Are you the publisher? Claim or contact us about this channel


Embed this content in your HTML

Search

Report adult content:

click to rate:

Account: (login)

More Channels


Channel Catalog


Channel Description:

Livros, nerdices e fotografia.

older | 1 | .... | 4 | 5 | (Page 6) | 7 | 8 | .... | 15 | newer

    0 0


    Dia 24 de maio é um dos dias mais aguardados por mim,  por motivos de: meu aniversário. Geralmente eu fico bem ansiosa um mês antes, uma semana antes e quando chega no dia é sempre legal ser lembrada pelos amigos e também pela família. 

    Esse ano não foi diferente e eu fiquei na contagem para chegar logo o dia e nesses últimos dias fiquei pensando bastante no quanto eu fui evoluindo de uns tempos pra cá. Resolvi então fazer uma listinha com 22 coisas que aprendi com meus 22 anos

    1- É melhor se arrepender de algo que fez do que se arrepender daquilo que você deixou de fazer. 
    2- Ficar em casa assistindo/lendo/dormindo é bom mas sair com os amigos é melhor ainda.
    3- O tempo é um dos melhores remédios para curar aquela bad infinita, revelar amigos e livrar a gente de ilusões.
    4- É legal saber dizer obrigada e pedir desculpas mas nem por isso se sentir culpada por tudo. 
    5- Livros são ótimos companheiros.
    6- É importante fazer aquilo que gosta mesmo que seja a coisa mais estranha do mundo. Tentar se encaixar em algo totalmente diferente daquilo que você gosta não vai te fazer feliz.
    7- Ser tímida demais e ansiosa é um grande problema então é preciso desencanar as vezes.
    8- Uma das melhores coisas é se afastar de gente que só te deixa pra baixo. Sério, é uma sensação muito boa quando você está perto de pessoas que te valorizam e te querem bem.
    9- Eu achava que ia chegar nos 20 anos completamente madura, independente, morando só e coisas do tipo. E hoje com 22 anos eu ainda não realizei esse sonho mas morar sozinha ou com alguém especial numa casinha bonitinha é um grande sonho.
    10- Por mais impossíveis que sejam seus sonhos nunca deixe de acreditar que você é capaz e eu acredito muito que algum dia eu estarei dentro de um avião indo para Disney ou Japão.
    11- Eu acho que vou chegar nos 50 e ainda vou gostar de coisas fofinhas.
    12- Se abra para novas possibilidades mesmo que isso te tire um pouco da linha. 
    13- Filmes sobre cachorros e câncer sempre vão me fazer chorar.
    14- Chega na casa dos 20 e você começa a ver sites de decoração, pinterest, blogs de casamento e afins.
    15- Você sabe que dinheiro não dá em árvore mas mesmo assim continua comprando coisas inúteis tipo bonequinhos, doces, objetos de decoração e esmaltes.
    16- Dores nas costas são frequentes nessa idade (imagina se fosse 80).
    17- Talvez você com 22 anos ainda precise pedir conselhos para seu primo de 15. Vitor obrigada! 
    18- Mesmo não acreditando em horóscopo as vezes a gente dá uma olhadinha na previsão do dia, faz um mapa astral, tenta descobrir o signo do crush...
    19- Livrarias, cinemas e shopping são meus passeios favoritos.
    20- Não precisa ir na igreja para ser uma boa pessoa.
    21- Acredite no amor, faça o bem e seja gentil.
    22- Não ligue muito para o que os outros pensam de você. Faça aquilo que der vontade. Quebre a cara algumas vezes e nunca desista da sua felicidade. 

    Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob ♥ Lojinha

    0 0

    Sinopse: 4 mulheres, 4 vidas, 4 fases da lua, 4 histórias de… amor? 

    ASSIM COMO A LUA, a vida também é repleta de fases que marcam nossos dias com altos e baixos, amores e desamores, fracassos e realizações. Quando temos de enfrentar os desafios da vida adulta, um novo mundo se desdobra à nossa frente, cheio de receios, promessas e esperança. 

    Alice é jovem, tem muitos sonhos e uma vontade crescente de ser independente, até se apaixonar pelo cara mais desejado do momento. Os dois fazem planos, mas nem tudo sai como ela esperava e aquilo que poderia uni-los é o que vai afastá-los para… sempre? Lena é aquele tipo de mulher cheia de amor pra dar e que stalkea absolutamentetodos os passos de todos os homens por quem se apaixona. E ela realmente se apaixona por todos. O problema é que eles não se apaixonam por ela. Um amor minguante não tem vez na vida de Bruna. Noiva do seu melhor amigo da infância, eles se preparam para o casamento e traçam planos para uma inteira vida juntos. Mas será que não é perfeição demais? Ainda nova, Dora já é uma médica renomada, segura e decidida, mas seu coração traz uma ferida que não sara, e ela não está disposta a se abrir novamente. Até que o amor lhe aparece em forma de uma canção... Como o luar é o melhor cenário para uma bela história, no ciclo deste livro acompanhamos Clarissa Corrêa*, Liliane Prata, Bianca Briones e Leila Rego em quatro narrativas deliciosas sobre as conquistas e as desventuras de quatro mulheres que estão em diferentes fases da vida, mas que têm em comum os desafios do dia a dia e a busca pela felicidade. Uma vez a cada lua azul, novidades sensacionais vêm de onde a gente menos espera! É por isso que nossa Lua tem mais de quatro fases. A Gutenberg traz em primeiríssima mão uma história intrigante de Jennifer Brown, escrita especialmente para o público brasileiro e ainda inédita no restante do mundo.

    Eu recebi um email da Gutenberg sobre a divulgação desse livro e achei genial a ideia de reunir 5 autoras incríveis num só livro. Já li algumas crônicas da Clarissa Corrêa e achei bem legal, no estilo que eu gosto de ler. As outras autoras eu sempre ouvi falar muito bem mas nunca li nada. Mas de tanto ouvir a Pam falar da Jennifer Brown, eu solicitei a prova do conto dela.

    Pelo que eu já ouvi falar da Jennifer ela escreve histórias envolvendo assuntos pesados e eu adoro um livro corta pulso ou aqueles livros que passam uma mensagem legal então já estou amando ler o conto.

    Também estou muito empolgada pelo conto da Leila porque os livros dela são bem puxados para o chick-lit então imagino que vamos ter um conto engraçado, um fofinho, um mais puxado para o new adult e tal, então vai ser um livro que vai poder agradar a todos.

    Eu ainda não recebi o livro mas quando eu receber volto aqui para fazer uma resenha bem caprichada dele para vocês. <3

    Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob ♥ Lojinha

    0 0


    Eu sempre lia textos sobre feminismo e na maioria das vezes eu achava que era exagero ou coisa do tipo mas hoje eu vejo que concordo sim com algumas coisas do feminismo e vejo o quanto esse movimento é importante na vida das meninas.

    Semana passada uma menina foi abusada por 30 homens onde eles fizeram um vídeo dela desacordada, machucada e ensaguentada comemorando como se aquilo tivesse sido um grande feito. Isso chocou as pessoas na internet (e no geral) porque nenhum desses homens tinham problemas. São homens comuns que tem mãe, namorada, irmã e fez isso com uma menina sem pensar duas vezes. O que choca mais é de 30 homens nenhum impediu que isso acontecesse. 

    O que choca mais ainda é ver comentários dizendo que se ela estivesse estudando isso não teria acontecido, se ela não tivesse com roupa curta isso não teria acontecido, que ela já era crescidinha e sabia o que estava fazendo. E isso só mostra o quanto a sociedade ainda está caminhando para trás.

    Desde pequenas somos ensinadas a andar como menina, sentar como menina, não andar de roupa curta, não passar batom vermelho, não voltar pra casa tarde, desviar o caminho para não passar em frente aquele bar cheio de homem e isso tudo mostra que vivemos numa sociedade machista. Somos educadas para não sermos estupradas. Não seria melhor educar os homens de que abusar de uma mulher é errado?

    Basta perguntar para alguma menina se ela já sofreu algum tipo de assédio e acho que vai ser bem difícil receber uma resposta negativa. Eu mesma já ouvi homem na rua mexendo comigo, homem que encosta em você no trem com a desculpa de que está cheio e muitas vezes já senti medo de andar sozinha na rua enquanto voltava pra casa. 

    Felizmente eu tenho uma família que me ama e me trata bem mas não são todas as meninas que tem essa sorte. Muitas delas são vitimas de pais, padrastos, vizinho, amigos da família e muitas vezes aceita isso com medo do que possa acontecer uma vez que denunciar algum desses homens. A cada 11 minutos uma mulher é estuprada no Brasil e isso é um número assustador. 

    E o feminismo está aí para que a gente possa viver num mundo igual e de respeito. Não é uma luta contra os homens mas sim a favor da liberdade da mulher de poder ser mulher sem sofrer por isso. 

    Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob ♥ Lojinha

    0 0


    O caderninho de Dash & Lily foi escrito por David Levithan e Rachel Cohn, publicado pela Galera Record e possui 256 páginas.

    Eu gosto muito dos livros do David Levithan mas quando é livro escrito em parceria com outro autor e geralmente fico com um pé atrás mas esse livro eu realmente amei.

    Lily tem 16 anos e nunca beijou alguém então seu irmão tem a ideia de fazer um caderninho de desafios para que Lily possa encontrar alguém especial que combine com ela. Esse caderninho é deixado na Strand uma livraria que Dash adora e enquanto ele olhava uma de suas prateleiras favoritas acaba encontrando o caderninho.

    Dash é um garoto que gosta muito de palavras e de descobrir a origem e o significado de cada uma delas então é óbvio que ele ia aceitar o desafio e se comunicar com Lily através de um simples moleskine vermelho.

    No kit do livro veio esse caderninho <3
    Lily está vivendo um pequeno drama adolescente porque o natal que é sua época preferida não está sendo exatamente do jeito que ela gostaria. Seus pais viajaram, seu avô está arrasado depois de um pé na bunda e seu irmão está muito ocupado passando as férias com o namorado. Mas quando Dash deixa respostas pra Lily é como se tudo fizesse sentido.


    Depois que os dois começam a se corresponder através dos desafios a expectativa de se conhecer pessoalmente só aumenta. Está indo tudo bem até que um encontro (não esperado) acontece e dá tudo errado. Mas é claro que no final as coisas se encaixa e é muito legal ver a aventura que os dois passam juntos. 


    A história de Dash & Lily é uma daquelas bem teen, bem fofinha e ótima passar o tempo. Fazia um tempão que eu não lia algo que me prendesse e esse livro eu li de um dia pro outro e amei. Se você gosta de romances açucarados e histórias mais levinhas é uma ótima indicação. 

    Você pode comprar o livro na amazon através deste link e ajudar o blog a ganhar uma pequena comissão pela venda. ;)

    Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob ♥ Lojinha

    0 0
  • 06/06/16--05:15: 6 on 6: dia dos namorados
  • Todo mês as meninas do projeto sugerem temas e dia dos namorados foi um tema bastante sugerido para esse mês de junho e acho o que tema combinou bastante, né? Eu estava em dúvida sobre indicar filmes para assistir nesse dia tão especial ou algum livro que combinasse com a data, e decidi falar sobre livro um livro bem fofinho e especial.

    Ganhei um livrinho incrível (obrigada Alan! <3) que combina muito com esse dia e resolvi fotografar ele para o projeto. Esse é um livro da ilustradora Philippa Rice que ilustra a vida junto com o namorado e mostra que o amor está em pequenos gestos como, por exemplo, dormir de conchinha, tomar café juntos, ir ao cinema, brigas bobinhas e etc. É um livro muito delicado e amorzinho. Um ótimo para presente de dia dos namorados. ♥







    Participantes:
    Mari, Anna, Bia, Gabi e Mariana

    Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob ♥ Lojinha

    0 0


    A Luciana me mandou uma mensagem me convidando para participar de uma tag e eu adorei o convite dela porque já tem um tempinho que eu não respondo nada do tipo aqui no blog. Achei engraçado que no final do post dela ela escreveu "meu deus, falei com ela, e ela falou comigo" e sério, eu adoro conversar então pode me chamar mais vezes sem problemas. <3

     Perguntas


    1. Se você pudesse apagar da memória um livro/mangá/HQ que você leu, só pra ter o prazer de ler, se surpreender e ter todas aquelas maravilhosas sensações de se ler algo bom e inédito, qual seria esse livro?
    Essa pergunta é bem difícil porque todos os livros que eu leio e gosto muito eu fico com essa vontade de ler de novo pela primeira vez. Mas tem Eleanor & Park, minha metade silenciosa e a probabilidade estatística do amor à primeira vista que eu queria muito ler de novo pela primeira vez. De mangá: aoharaido.

    2. E se você tivesse o poder de tirar qualquer personagem da ficção pra trazer pra vida real… quem seria e que papel teria na sua vida?
    Com certeza o Levi de Fangirl que é um garoto que entra na vida de Cath e muda tudo de cabeça para baixo então eu escolheria ele. E o papel seria de me entender, me tirar da zona de conforto e me inspirar a ser uma pessoa melhor.

    3. Vi que você também gosta de coisas fofas e adora toys! Qual é o seu preferido?
    Sim! E minha preferida é essa garotinha super feliz que até hoje eu não descobri o nome, haha.


    4. Indique algo fofo pra gente.
    O anime usagi drop! Sério, é curtinho, de criança e muito fofo.


    5. Quando você tiver sua própria casa, o que nunca faltará nela?
    Quando eu tiver uma casa ou apê para chamar de meu eu quero muito que tenha cores. Eu amo essas casinhas com decoração mais moderna, parede de tijolinho e alguns móveis bem coloridos para um destaque. Mas que nunca falte alegria, né? :')

    6. Pretende escrever um livro?
    Apesar de ler e gostar muito de livros não tenho vontade de escrever um. 

    7. Tem algum assunto que você goste, mas ainda não conseguiu falar sobre ele no blog?
    Sim! Eu queria muito falar sobre lugares que eu vou mas geralmente eu fico com vergonha de tirar fotos. Também queria mostrar mais minha estante, decoração do quarto e coisas do tipo.

    8. Qual foi a coisa mais bacana que já te aconteceu por ter criado o Prateleira Colorida?
    Antes de ter criado o blog eu quase não tinha amigos e vivia dentro de casa mas com o blog eu comecei a conhecer várias pessoas de São Paulo e um dia fui num evento literário com uma amiga. Depois desse dia eu fiz amizade com outras meninas que são amigas até hoje e acho que o mais legal foi poder conhecer pessoas novas, ver que existe um monte de coisas legais ai fora e participar de eventos literários. Sério, depois do blog eu acho que sai um pouco mais da bolha que eu vivia. 

    9. Indique uma música que você está/esteve viciada, mas que não seja muito famosa, pra que as pessoas que lerem essa entrevista possam experimentar ouvir coisas novas :)

    10. Por último, deixa uma citação pra gente?
    "Você só vive uma vez. É sua obrigação aproveitar a vida da melhor forma possível."

    Indico a Thai do Little Things para responder a tag com as mesmas perguntas porque ela também gosta de livros, toys e animes. :P

    Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob ♥ Lojinha

    0 0


    Talvez um dia foi escrito por Colleen Hoover, publicado pela Galera Record e possui 368 páginas.

    Sempre que eu vejo um livro novo da Colleen eu saio correndo querendo ler porque até hoje eu tenho gostado de tudo que ela escreve. Dessa vez eu gostei muito mas ao mesmo tempo acabei não gostando de algumas coisas e fiquei numa relação de amor e ódio com talvez um dia

    Sydney descobre no dia do seu aniversário que seu namorado e a melhor amiga estão tendo um caso já faz um tempo e como ela divide o apartamento com Tori ela resolve sair e então fica perdida. Perdida porque no mesmo dia ela também perdeu o emprego e não tem dinheiro para passar os dias em algum hotel ou algo do tipo.

    Mas enquanto ela está perdida na chuva (sim, tem muito drama) Ridge que é mora na frente do antigo apartamento dela oferece abrigo por alguns dias e ela claro, aceita.


    Ridge é músico e toca violão e acaba descobrindo que Sydney estuda música e gosta mais de compor então os dois fazem uma espécie de acordo onde ele toca e ela escreve as músicas da banda. Com isso ela pode morar ali naquele apartamento sem ter que pagar por isso. E é claro que isso não poderia ficar apenas na amizade então surge um sentimento maior que os dois vão ter que lutar contra, pois Ridge namora e Sydney não quer ser uma Tori da vida.

    Talvez um dia tem uma escrita bem característica da Colleen então a leitura é bem rápida e envolvente. Como os dois personagens estão ali trabalhando na música a gente acaba lendo letras de músicas, bilhetes, mensagens e tudo isso deixa a leitura mais fluída ainda. Então o livro é muito bom nesse sentido.

    O que aconteceu foi que eu achei o livro muito bom no começo e da metade para o final foi ficando uma coisa irreal e com um nível de drama lá em cima que eu não consegui aceitar muito bem. Mas no geral é um livro muito bom e eu dei 4 estrelinhas por que esperava uma coisa mais direta. ;)

    Você pode comprar o livro na amazon através deste link e ajudar o blog a ganhar uma pequena comissão pela venda. ;)

    ps: tentei tirar fotos do livro para a resenha mas está tão cinza hoje em SP que acabou não ficando tão legal, sorry. </3

    Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob ♥ Lojinha

    0 0

    Quem acompanha o blog já sabe que em todas as listinha de desejados aparece algum funko no meio mas eles são meio difíceis de serem encontrados e o preço também não é muito amigável então demorou um tempinho até eu ter o meu primeiro.

    Eu ganhei de aniversário a Elsa nessa versão criança brincando na neve e estou completamente apaixonada. Ela tem uma carinha de criancinha mesmo e a roupa está bem caprichada e cheia de detalhes. Outra coisa bem fofa é a bolinha de neve na mão e sério, achei muito fofo. Obrigada, primusco. ♥

    Geralmente as pessoas comentam sobre alguns defeitinhos que os funkos podem ter na pintura mas esse veio perfeito. A roupinha e sapatinhos que tem muitos detalhes estão impecáveis e o cabelo também tem uma pintura bem legal. 







    Atrás da caixa ainda vem uma ilustração com todos os outros funkos da série e isso é realmente um grande problema. Já fiquei querendo a Young Anna para fazer companhia pra Elsa e tem o Marshmallow que é maior que os funkos normais e é super legal.  <3 

    Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob ♥ Lojinha

    0 0


    Como eu era antes de você foi escrito por Jojo Moyes, publicado pela Intrínseca e possui 320 páginas.

    Louisa tem 26 anos e está se sentindo perdida pois com essa idade ela imaginava que já estaria com a vida feita. Mas a verdade é que ela está morando com os pais, dividindo o quarto com a irmã e procurando emprego.

    Eis que surge a oportunidade de trabalhar com cuidadora de um cadeirante de uma família rica e mesmo com medo ela resolve arriscar. Quando ela chega na casa fica surpresa de descobrir que Will tem apenas 30 e poucos anos enquanto que ela imaginava que fosse cuidar de um idoso ou algo assim.

    O problema é que Will mesmo sendo muito novo é muito amargo e Lou fica frustada com. Ela tenta de qualquer maneira animar ele, fazer ele sair de casa mas ele não tem a mínima vontade de continuar vivendo depois que ficou tetraplégico.


    Mas conforme a história vai fluindo as coisas vão se encaixando e Lou começa a compreender Will e ver que não é sempre que ele está disposto a brincar ou a sair de casa. Will também começa a amolecer o coração e a viver momentos incríveis ao lado de Louisa.

    Como eu era antes de você é uma história linda de amor que vai fazer o leitor pensar em muitas coisas. Um dos grandes questionamentos é sobre a forma que estamos vivendo: será que estamos vivendo intensamente todos os dias e aproveitando as coisas boas da vida? Ou será que não estamos dando desculpas a nós mesmos para não correr atrás dos nossos sonhos?

    É um livro surpreendente, muito engraçado em várias partes mas o final é aquele final que deixa qualquer um com o coração quebrado. Mesmo assim, é um livro que eu super indico. Principalmente para quem curte romances pois é uma história apaixonante. Vale lembrar que o filme estréia hoje então da tempo de ler e correr para o cinema. :P

    Você pode comprar o livro através deste link e ajudar o blog a ganhar uma pequena comissão pela venda. 

    Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob ♥ Lojinha

    0 0
  • 06/18/16--05:00: Click Toys: Festa Junina
  • Yay, finalmente eu voltei a postar o click toys aqui no blog e já peço desculpas por não ter feito post no mês passado. Juntou a falta de criatividade, as fotos que não ficaram boas, muita dor nas costas e isso resultou em alguns posts atrasados aqui no blog. Mas eu voltei e o projeto também.

    Para esse mês a gente podia escolher entre dia dos namorados e festa junina mas como eu já fiz o 6 on 6 do dia dos namorados achei legal dar uma mudada nesse. 

    As fotos não ficaram tão criativas assim porque eu não achei muitos itens juninos para comprar mas acho que ficou fofo e espero que vocês gostem também. <3






    Participantes do projeto:
    Colorindo NuvensSentimentaligrafiaPrateleira ColoridaSai da Minha LenteAchados da MilaDescolada VidaSabor AbsintoLeviosaFleur de LunePseudo AleatoriedadeQual o seu lado B?Breaking FreeLoud Like MoiPequenos RetalhosQuase Mineira

    Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob 

    0 0
  • 06/21/16--05:00: O melhor da Liberdade

  • Quem me acompanha nas outras redes sociais já deve ter reparado que um dos lugares que eu mais visito e gosto em São Paulo é o Bairro da Liberdade. Sempre que vou lá tiro fotos para o instagram e no twitter sempre estou falando sobre coisas bacanas que encontro por lá.

    A Liberdade é um lugar ótimo para quem curte a cultura japonesa pois tem muitos restaurantes de comidas típicas, mercados com produtos japoneses/chineses/coreanos, lojas de mangás, roupas tradicionais e por aí vai. Então hoje vou dar dica de 3 lugares bacanas para conhecer quando visitar o bairro.

    Espresso Kazu


    Esse é um café bem tradicional japonês onde você vai ser recebido por atendentes que cumprimentam na própria língua. Irashaimase significa "bem vindo" então não estranhe quando entrar e for recebido dessa forma. No café você vai encontrar doces bem diferentes e fofos. O bolo de chocolate com banana e o pudim com carinha de ursinho são meus preferidos. <3
    R. Tomás Gonzaga, 84/90 – Liberdade, São Paulo – SP.

    Livraria Fonomag


    Para quem curte mangás, artbooks e revistas japonesas essa livraria é um paraíso. Lá tem uma grande variedade de livros japoneses e eles também aceitam encomenda então é fácil achar o procura por lá. Eu não sei ler em japonês mas estou muito a fim de fazer um curso. Já tenho uma revista daquelas bem grossas de mangás semanais um mangá em japonês que ganhei de um amigo dessa mesma livraria então já é um incentivo, hehe.
    R. da Glória, 242 - Liberdade, São Paulo - SP

    Fancy Goods


    Essa é a loja mais fofa de toda a Liberdade. Lá você vai encontrar itens de decoração, coisas para casa e os mais legal de tudo: itens de papelaria personalizados. Pony Brown, Totoro, Rilakkuma e por aí vai. Se você gosta de coisas fofas essa é a melhor opção. Já comprei muita coisa fofa lá e estou pensando em dar uma passada lá durante a semana. Ah, tem loja virtual também.
    R. Galvão Bueno, 224 - Liberdade

    Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob ♥ Lojinha

    0 0
  • 06/23/16--05:00: Oníria - B.F. Parry

  • Oníria foi escrito por B. F. Parry, publicado pela Verus e possui 252 páginas.

    Eliott é um garoto de 12 anos que está passando por uma fase difícil e não é só porque está entrando na adolescência mas sim porque perdeu sua mãe, seu pai está doente e para ajudar a madrasta é uma verdadeira víbora. Para ajudar, ele também sofre bullying na escola por estar sempre no mundo da lua mas Mamillou a avó de Elliot é quem deixa as coisas um pouco mais suportáveis. 

    Mamillou se mudou para a casa de Elliot assim que Phillippe ficou doente para auxiliar e cuidar do garoto e das duas irmãs. A avó está sempre contanto histórias de Oníria e apesar de gostar muito desse universo fantástico Elliot não acredita que o reino dos sonhos possa realmente existir.


    Elliot não acreditava que Oníria pudesse de fato existir até que os médicos falam que o coma de seu pai é realmente sério e que não há mais nada a fazer. Mas Mamillou sabe um jeito de curar Phillippe e esse jeito é ir até Oníria e falar com o mercador de areia.

    O garoto embarca numa grande aventura pelo reino dos sonhos mas chegando lá descobre que não vai ser tão fácil assim salvar seu pai desse eterno pesadelo.

    Oníria é um reino cheio de magia, seres estranhos, bruxas, rainha, pesadelos e muito mas muito perigo. Para conseguir encontrar o mercador de areia Elliot passará por muitos perigos e até quem ele mais confia pode acabar montando alguma espécie de armadilha.


    Eu gostei muito do livro e achei que ele tem um ritmo de leitura bem legal. Como os capítulos são intercalados entre o mundo real e o reino dos sonhos eu acho que isso acabou deixando a leitura bem mais fluida. Afinal, você fica sempre ansioso para chegar os capítulos de Oníria e descobrir o que vai acontecer dessa vez.

    O livro também termina de um jeito que deixa qualquer um curioso para saber o que vai acontecer no próximo e se Elliot vai finalmente conseguir se encontrar com o mercador e salvar seu pai.É um ótimo livro para quem gosta de fantasia e histórias curtas.  

    E eu fiquei realmente ansiosa para o próximo. <3

    Você pode comprar o livro na amazon através deste link e ajudar o blog a ganhar uma pequena comissão pela venda. ;)

    Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob

    0 0


    Eu já fiz uma resenha do livro aqui no blog e para quem quiser ver está aquiMas para quem não sabe nada sobre a história o filme vai falar sobre Lou, que tem 26 anos, não tem muitos objetivos na vida e precisa urgente de um emprego, já que sua família é muito humilde e basicamente é ela quem sustenta todos. E ela consegue um emprego que é cuidar de Will. Will um jovem que sofreu um acidente e hoje vive numa cadeira de rodas.


    Eu achei que o filme está muito real e parecido com o livro mas é claro que em 2 horas de filmes não deu para mostrar tudo tão detalhadamente como no livro mas eu amei cada pedacinho.

    Quem vê o pessoal falando que deve levar lencinhos para assistir ou quem vê apenas as propagandas deve imaginar que esse é um daqueles filmes tristes e dramáticos mas acho que ele vai muito além disso mostrando as diferenças da vida de Lou e Will. Além disso, o filme está muito engraçado e eu dei muita risada assistindo.



    Uma das coisas que eu mais gostei foi de ver que o filme traz essa reflexão sobre aproveitar a vida e mostra como é difícil para Will viver da mesma maneira que antigamente. Antes do acidente ele era um cara que amava aventuras e esportes radicais e hoje como cadeirante até um simples passeio ou estacionar o carro se tornou um obstáculo na vida dele. E o filme mostra isso de uma maneira bem real. De modo que a gente consiga entender as dificuldades que uma pessoa na situação dele enfrenta no dia-a-dia.

    Também vemos a vida de Lou que não tem tantos privilégios mas que tenta se virar da melhor maneira possível.


    E tem o final que aí sim arranca lágrimas mas que deixa mais uma reflexão para quem assiste. Eu vi muita polêmica a respeito do final mas depois de ler o livro e ver o filme eu entendo a posição dele e as dificuldades de viver uma vida que não parece ser sua.

    Se eu recomendo o filme? Sim, sim, sim. Sério, está muito lindo! ♥

    Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob 

    0 0

    Depois que eu comprei minha tão sonhada estante eu tenho tentando decorar ela de algum jeito que fique organizada e bonita. Aos poucos ela está tomando a forma que eu imaginava mas ainda faltam alguns itens e luzinhas que eu acho que fica muito fofo na decoração.

    Separei algumas ideias simples para decorar sua estante que pode ser com objetos, bonecos, por cores ou até mesmo usar móveis que não são estantes para guardar os preciosos livros. 


    Estou pensando em um book shelf tour da minha estante e quando ela ficar pronta eu volto aqui para compartilhar com vocês. <3

    Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob 

    0 0
  • 07/04/16--05:00: Picnic no Ibirapuera
  • Sábado eu e o Alan fomos no parque do Ibirapuera e combinamos de fazer um picnic, levar um pano e ficar o dia todo de boas aproveitando o parque. O resultado: melhor impossível. <3 

    Levamos algumas comidinhas, sanduichinhos, sucos e doces, sentamos de baixo de uma árvore e ficamos comendo e conversando por um tempo. Aproveitei também para tirar algumas fotos e registrar nosso passeio. Levei também alguns livrinhos para fazer parte do cenário e acabei estragando meu "Soppy" com o suco que derramou. Mas agora já consegui limpar e deu uma boa melhorada mas ainda estou um pouco bolada, haha. 

    O clima estava bastante agradável com solzinhho e eu achei que as fotos ficaram muito boas! A ideia é fazer mais passeios assim e poder registrar tudo aqui no blog. :)











    Essa última foto é de um projeto que o Thiago Noise apresentou chamado "percursos" e deixou esse grafite com nosso nome depois de ter falado um pouco mais sobre. Achei bem legal e as outras fotos com desenhos também são dele. ;)

    Agora quero saber se vocês gostariam de ver mais posts do tipo aqui no blog.

    Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob

    0 0

    Os serviços de assinaturas com caixas temáticas estão cada vez mais fazendo sucesso na internet e já vi caixas de todos os tipos. Caixas de produtos de beleza, alimentação saudável, produtos fofos, doces japoneses, produtos artesanais e agora descobri outros serviços brasileiros que parecem ser bem bacanas e eu fiquei com vontade de assinar.

    Phosfato é um serviço de assinaturas onde todo mês você recebe um pacotinho com fotos postadas no instagram ou facebook. Você conecta sua conta com alguma dessas redes sociais e eles selecionam as melhores fotos do mês para te enviar. A ideia é bem legal e eu acho que é uma maneira de não ~perder~ aquelas lembranças. O preço deles também é muito bom e tem 3 planos que vão de 15 a 21 reais. Para saber mais é só entrar no site que lá tem informações mais detalhadas.


    Do Nerd ao Cubo que já vi muita gente fazendo unboxing e cada mês eles fazem uma caixa temática sobre algum filme ou jogo diferente. Nas caixas vem camiseta, bonecos, doces, botttons, cupons de desconto e etc. O preço da assinatura é de R$59,90 + frete por mês. Para saber mais e assinar o serviço deles aqui tem osite com todas as informações.


    O Nerd Loot que já é um pouco mais caro mas foi o que eu mais gostei. O serviço custa R$69,90 + frete e segue o mesmo estilo do nerd ao cubo com produtos selecionados de acordo com o tema de cada mês. As caixas também tem essa temática nerd/ geek e vem de 5 a 7 produtos e tudo bem personalizado mesmo. Até o site deles é todo personalizado e cheio de ilustrações que me conquistaram. Para saber mais e assinar o serviço deles aqui tem o site com todas as informações.


    O turista literário é o mais novo serviço de assinatura e o legal dele é que na caixa em um livro Ya (jovem adulto) lançamento de alguma editora aqui do Brasil + brindes para incentivar uma experiência sensorial que leva o leitor para onde o livro é ambientado. Eu já vi alguns vídeos de unboxing da primeira caixa e achei bem legal! O preço da caixa é 69,90 + frete fixo de 10 reais para qualquer região do país e da para comprar a caixa avulsa também. Mais informações no site.  <3

    Vocês já assinaram algum desses serviços? O que acharam? :)

     Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob ♥ Lojinha

    0 0
  • 07/08/16--05:00: 6 on 6: música
  • Olha eu atrasada mais uma vez no projeto fotográfico parece que todo mês acontece alguma coisa pra eu me atrasar um pouco mas saiu e isso é o que importa, haha. Para esse mês escolhemos música como tema e eu amo músicas!

    O problema é que com essa era digital eu quase não tenho mais CDs físicos e sim playlists no spotify, celular, computador e youtube que eu uso muito para ver clipes e tours dos artistas que eu gosto. Mas aí lembrei que eu tenho dois CDs que eu gosto muito e usei eles nas fotos.

    O primeiro é o night visions do Imagine Dragons e o white do Hillsong que é um projeto remix de músicas já bastante conhecidas deles. Dos dois o que eu mais escuto é o do imagine dragons porque descobri que eu gosto das versões mais calminhas do hillsong e não curti muito o remix. Até pretendo comprar um cd ou dvd deles com músicas nesse estilo porque eu gosto muito. <3







    E para terminar o post vou deixar duas músicas que eu gosto muito nesses dois CDs. :)


    Participantes do projeto: MariAnnaBiaGabi e Mariana

     Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob 

    0 0


    As fases da Lua foi escrito por várias autoras, publicado pela Gutenberg e possui 352 páginas.

    Esse é um livro que reúne diversos contos com 5 autoras todas elas brasileiras menos a Jennifer Brown que vai falar sobre as fases da lua. No primeiro conto que é da Clarissa Corrêa vamos ver a fase da lua crescente onde a Alice conhece um carinha que é cantor, bonito e fofo mas que quando a máscara cai ela descobre quem é realmente aquele homem. Esse conto vai falar também sobre questões um pouco mais sérias como depressão, aborto e feminismo mas acho que a autora se perdeu um pouco na hora de falar sobre esses temas e a história ficou um pouco falha, na minha opinião.

    Depois disso vem o conto da lua cheia escrito pela Liliane Prata que me conquistou logo nas primeiras páginas. Nesse conto a gente vai conhecer Lena que adora stalkear o ex, vive na mesmice, trabalha com algo que não é realmente aquilo que ela queria e quando surge a oportunidade de fazer uma viagem ela não pensa duas vezes. Ir para Itália fez Lena sair da bolha que ela vivia e deu um gás para explorar novos horizontes. Além disso, acabou encontrando uma pessoa realmente a fim dela. 


    Bruna e Guilherme vivem um amor desses de conto de fadas que começou logo na adolescência aquela coisa de melhores amigos que se apaixonam e hoje eles estão noivos. Só que algo acontece e muda toda o rumo da história. Nesse terceiro conto da Bianca Briones começa tudo perfeitinho e no final você termina com lágrimas nos olhos. Foi um conto bonitinho mas que não me agradou tanto assim.

    Leila Rego veio representando a lua nova com Dora e Rico uma médica e um cantor sertanejo que vai nos mostrar os bastidores da vida de alguém famoso e da confusão que acontece quando esse alguém famoso se apaixona por uma pessoa totalmente desconhecida. Não consegui me conectar com Dora então foi só um conto ok.

    E agora o conto que eu estava mais ansiosa de todos que é o conto da Jennifer Brown e foi realmente o que eu me apaixonei no livro. Nesse conto ela vai falar sobre Destiny uma garota que foi adotada por uma família bastante religiosa e que trabalha como voluntária no bazar que eles tem para ajudar pessoas necessitadas. Nesse conto a lua presente é a lua cheia e azul, um fenômeno que está tirando o sossego de Destiny e alguns outros moradores do local. Enquanto alguns estão se divertindo e fazendo festa para observar a lua outros estão preocupados que isso seja uma espécie de maldição. Destiny é uma delas mas acaba que esse azul da lua traz as respostas que ela tanto buscava.


    No geral eu gostei bastante do livro e achei a proposta bem bacana para poder conhecer um pouco mais sobre as autoras. O ponto alto para mim foi a Jennifer Brown porque eu já queria ler algo dela há muito tempo então foi aquilo que eu esperava. Vou aproveitar para ler algo da Liliane Prata que foi outro conto que eu gostei bastante. <3

    Para quem gosta de contos, romance e é ligado em coisas como lua, fases, mudanças de acordo com os astros é um livro super recomendado.

    Você pode comprar o livro na amazon através deste link e ajudar o blog a ganhar uma pequena comissão pela venda. ;)

     Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob 

    0 0



    Semana passada eu fui assistir o tão esperado Procurando Dory e o filme é tão incrível, divertido e bonito que eu não pude deixar de fazer um post aqui no blog compartilhando tudo o que eu achei. Como falar sobre a história e os acontecimentos acabaria revelando spoilers eu achei melhor fazer uma listinha com 10 motivos para você ir correndo assistir e você pode conferir tudo aqui embaixo.

    1- O começo do filme mostra a infância da Dory, a vozinha de criança e toda a inocência que continua com ela até hoje.
    2- Personagens de procurando nemo se encontram nesse filme e tudo isso é muito nostálgico.
    3- Mas tem personagens novos e um que todo mundo morreu de amores foi o Geraldo. Mas eu também amei a Beka que é toda despenada e vesga na mesma intensidade. 
    4- O filme está todo moderninho com memes que usamos nas redes sociais tipo: miga, sua loka!
    5- Você vai morrer de rir em várias partes.
    7- A Dory mesmo esquecida acaba lembrando a gente de questões muito importantes como família e amizade. 
    8- Antes de começar o filme passa um curta muito fofinho de um passarinho em busca de comida que ao mesmo tempo em que é divertido nos emociona também. Então vale a pena chegar uns minutinhos antes para poder ver.
    9- E tem cena pós créditos também que foi muuuuuuito engraçada e nostálgica. É importante ficar até o último minuto.
    10- Depois que você sair do cinema vai dar vontade de comprar outro ingresso e assistir novamente. 


    Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob 

    0 0
  • 07/19/16--05:00: Cherry Blossom
  • Da série: fotos do parque que não acabam mais. Sim, no dia que eu fui fazer o picnic no parque eu aproveitei para tirar fotos da cerejeiras que estavam por lá e gostei tanto delas que acabou virando post aqui no blog.

    Ano passado eu fui no meu primeiro festival de cerejeiras e amei! Esse ano eu quero ir de novo, já que é pertinho de casa, mas enquanto o dia não chega aproveitei para ir no Ibirapuera e fotografar as cerejeiras que já saíram por lá. 








    Como o dia estava bastante ensolarado deu para tirar fotos clarinhas do jeito que eu gosto e mesmo sendo com o celular eu achei que ficou legal. Agora estou ansiosa para o festival no Parque do Carmo e quem sabe não rola outro post com cerejeiras por aqui, né? :P

    Acompanhe também nas redes sociais:

    Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob

older | 1 | .... | 4 | 5 | (Page 6) | 7 | 8 | .... | 15 | newer